» Indústria

Nossas Indústrias
Morro da Fumaça teve sua primeira indústria dez anos depois de sua fundação. Em 1920 inaugura a primeira indústria de lacticínios de propriedade de Alfredo Valsechi, localizada na Rua Vinte de Maio. Em 1932 foi fundada a primeira indústria de tijolos, de propriedade de Olívio Cechinel, fabricando diariamente três mil tijolos maciços. Depois surgiu a olaria de Gregório Espíndola, que produzia telhas. Já em 1960, Venício Casagrande descobre o minério fluorita e no mesmo ano inicia-se a instalação de empresas para a extração do mineral. Quatro anos depois, Divino Salvan estabelece a primeira indústria e comércio de cereais, impulsionado pelo crescimento nas plantações de arroz. Em 1969, Silvino Matiola, Aluízio Stupp e Lair Salvan Matiola, estabelecem no município a indústria “Dida Confecções Ltda” abrindo espaço a um segmento industrial que se tornaria tão importante quanto a olaria para a economia de Morro da Fumaça.

Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) 

 
O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) divulgou no ano de 2000 o índice de Desenvolvimento Humano (IDH). A elaboração do IDH tem como objetivo oferecer um contraponto a outro indicador, o Produto Interno Bruto (PIB), e parte do pressuposto que para dimensionar o avanço não se deve considerar apenas a dimensão econômica, mas também outras características sociais, culturais e políticas que influenciam a qualidade da vida humana.

 
IDH de Morro da Fumaça

 

O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de Morro da Fumaça é de 0.804, segundo o Atlas de Desenvolvimento Humano/ PNUD (2000).

fonte: www.morrodafumaca.sc.gov.br



    Fone


    O que você espera para o ano de 2018


    Olá já curtiu?